Censura dos microdados do censo escolar e ENEM | INEP

O INEP simplesmente usou da LGPD para censurar informa√ß√Ķes dos microdados sobre o ENEM.

Segundo Mariana Hallal, o @inep_oficial simplesmente DESTRUIU os microdados dos principais indicadores da educa√ß√£o. Transformou 13 arquivos .csv (17gb) do Censo da Educa√ß√£o B√°sica em um √ļnico .csv com 300 colunas (p√©ssimo) e 164mb. N√£o satisfeito, tirou todos os arquivos de anos anteriores do site‚Ķ

Veja mais informa√ß√Ķes:
LINK 1
LINK 2

O INEP está criando um Serviço de Acesso a Dados Protegidos (Sedap) para o uso de universidades, institutos federais e centros federais de educação tecnológica (CEFETs).

Fonte: Portaria n.¬ļ 105, de 29 de mar√ßo de 2022

Não substitui os microdados que foram censurados dos dados abertos, mas é um meio possível para pesquisadores terem acesso a microdados.

1 curtida

O Sedap, mencionado na mensagem anterior, agora tem um manual técnico e um guia do usuário, que foram publicados agora há pouco no Diário Oficial da União. No anexo do manual há formulários para solicitação de acesso ao serviço.

Fontes: Portaria n.¬ļ 146 e Portaria n.¬ļ 147, ambas de 2 de maio de 2022

1 curtida

Na √ļltima semana foi publicado um artigo na Folha de S√£o Paulo, assinado pela @fecampa, Rafael Zanata e Bruno Bioni, que comenta o caso, juntamente com outros epis√≥dios em que a LGPD vem sendo usado como desculpa para cercear o acesso √† informa√ß√£o p√ļblica.

1 curtida